"Sintetizamor" é o primeiro álbum que reúne duas gerações da família Donato


Um dos projetos mais esperados pelos fãs de João Donato acabou virando realidade e finalmente ele lança um trabalho de estúdio com seu filho Donatinho. “Sintetizamor” é o nome do álbum que nasce com a missão de registrar o encontro das duas pontas musicais da família Donato. Um dos maiores e mais interessantes artistas brasileiros de todos os tempos, Donatão como é conhecido na intimidade familiar, se deixou levar carinhosamente ao universo musical do herdeiro, povoado de sintetizadores, pianos elétricos e instrumentos analógicos vintage.

Produzido por Donatinho, que assina também os arranjos, e gravado no seu estúdio, Synth Love (Rio de Janeiro), o disco traz dez faixas inéditas, todas assinadas pelos dois, com alguns parceiros. Entre eles Davi Moraes, em “De Toda Maneira” e “Interstellar”, nas quais ele ainda participa tocando guitarra. Os dois contaram também com um grande time de músicos nas gravações: Marcelo Amaro (shaker e afoxé), Marlon Sette (trombone), Diogo Gomes (trompete), Ricardo Pontes (Flauta), Pedro Dantas (baixo), Leonardo Vieira (guitarra), Leonardo Vieira (guitarra), Felipe Pinaud (guitarra), Fernando Vidal (guitarra). E ainda vocais da irmã de Donatinho, Maria Joana, de Gabriela Riley e Fernanda Sung, recitando uma poesia em chinês na última faixa, “Hao Chi”.

Se um Donato só já era muito bom, imaginem dois Donatos juntos.

crédito imagens . Renato Pagliacci